Fui convidada pela NVAA para escrever um artigo para este espaço. Sou muito grata por esta provocação. Pois para mim foi um desafio, enorme por sinal. O desafio de escrever abertamente para quem quiser ler…Embora seja algo que pratico a muitos anos, nunca tinha escrito para outras pessoas. Sempre foi um exercício íntimo, uma prática que faz parte do meu processo de autoconhecimento. Mas não vou entrar neste assunto porque o tema aqui é outro, Potência.

Bom, gosto muito de linguagem, e como já disse, de escrever, e para melhor compreender tudo que estudo eu vou atrás dos significados das palavras. Portanto segue o que diz o “Dicionário Online de Português” sobre a palavra em questão:

Potênciasubstantivo feminino

Característica do que é potente; poder; força; vigor.

Poderio; autoridade; capacidade de realizar.

Força aplicada a realização de certo efeito.

E me chamou a atenção a palavra potente e fui ver o seu significado também para complementar meu entendimento.

Potente adjetivo

Que pode; que tem potência ou poderio.

Que goza de importância ou influência.

Eficaz; energético; rijo.

E a partir daí penso que fica mais fácil para refletirmos sobre a questão título que diz, o que te impede de manifestar sua Potência?

Confesso aqui, que é um tema que venho investigando a alguns anos sobre. E hoje tenho consciência do quanto é complexo, porque me leva a um caminho onde sou obrigada a me conectar com partes em mim que não sabia que existia e que são difíceis de lidar. E principalmente identificar e aceitar que tenho um poder.

Em junho comecei a fazer terapia (coisa que todo mundo deveria fazer porque muda a vida) e está ficando cada vez mais claro que uma das maiores dificuldades está em aceitar que sou poderosa. E não só eu, todos nós somos, né?! E entendi que a partir desta aceitação, devemos fazer o trabalho de investigação, do porquê, impedimos essa força de se materializar, sendo que ela nos é inata e real.

Agora, falando diretamente para mulheres, nas minhas investigações descobri que este processo tem relação direta com a maneira que expressamos nossa feminilidade (def. característica, particularidade ou estado particular da mulher; comportamento feminino). Conforme trabalhamos esse aspecto, vamos criando um ambiente para a nossa potência se manifestar. Pois acredito que somente nesse lugar, onde somos mais essência nos tornamos potente, potência.

Do que venho vivendo e experimentando, esse ambiente (que é interno) só consegue ser criado se nos propusermos a fazer um estudo profundo e sincero de nós mesmas. Nesse estudo vamos nos conectando com o que temos como valores, conceitos, preconceitos, crenças, nossos defeitos e qualidades. E esse processo vai nos forçando a fazer uma limpeza daquilo que não tem ressonância com nossa essência. Temos que fazer uma escavação para entender o que faz e não faz parte de nós. Temos que trabalhar o desapego, a paciência e a auto compaixão. Reconheço que alguns desses elementos (conceitos, crenças etc.) nos impedem de agir, de escolher caminhos, pessoas e lugares. De não sabermos nossos limites, medos, de ter coragem, de arriscar, de saber que somos cíclicas, de se abrir para um novo mundo de possibilidades. De Ser essência, Amor. Um processo dolorido, desafiador, não vou mentir. Mas que sinto valer muito a pena. Embora, eu ainda não tenha conseguido materializar minha potência, sei que hoje sou mais essência, sou mais livre, sou mais feminina, sou um ser humano muito melhor. E que estou realizando o que é de mais importante na vida, na minha humilde opinião, que é evoluir.

Percebi um campo que se abriu quando comecei a escrever…como se abrisse a porta para um outro lugar e eu não quisesse mais sair de lá. Teria mais coisa para falar. Mas por agora, penso que falei o suficiente. NVAA, Gratidão por me fazer abrir esta porta!

E para você também que leu até aqui! Gratidão!

Com afeto e Amor, Tainá Lellis.

Tainá é arquiteta de formação, mas a + de 20 anos é buscadora de si mesma. Taurina com ascendente em Aquário e Lua em Câncer, tem por paixão o estudo do autoconhecimento. Acredita que o mundo pode ser melhor, mas para isso o ser-humano tem que melhorar. Segue seu caminho experimentando o que a vida lhe oferece. Acredita no Amor, na Amizade e na Sinceridade. Não vive sem música e usa a dança para se curar. Atualmente em relacionamento com o taro.

Deixe uma resposta

Quer ajuda? inicie um chat